Dicas para o primeiro banho do bebê em casa

O primeiro banho do bebê pode parecer assustador, mas com um pouco de informação e prática tudo se resolve. Confira como deve ser primeiro banho do bebê.

Por mais que pareça, um bebê recém-nascido não é tão frágil assim, e ele pode tomar um banho logo no primeiro dia de vida. Este banho será dado no hospital, provavelmente por uma enfermeira experiente, o que vai deixar a “operação” muito mais simples do que parece!

Ao chegar em casa você pode sentir-se insegura sobre como segurar o seu bebê, a temperatura ideal da água, shampoo ideal, de como começar e finalizar o banho, etc.

Mas essas dúvidas são comuns e podem ser facilmente sanadas com algumas dicas:

Horário e temperatura da água

Para o primeiro banho do bebê, a temperatura da água deve estar entre 36,8° e 37,5° e para medi-la você pode usar um termômetro específico para a água ou ainda senti-la em seu antebraço.

Com o tempo você vai perceber as preferências de seu bebê, se ele é mais calorento e se sente mais confortável com a água “morninha” ou se ele se adapta melhor em uma água mais quente.

Outros detalhes devem ser levados em consideração como o horário do banho, a estação do ano, o ambiente da casa, etc.

Produtos

Tanto no primeiro banho do bebê quanto nos demais, não existe uma obrigatoriedade de usar shampoo, nem buchinhas, a pele do bebê é muito sensível, somente as mãos da mãe já são suficientes se bem usadas.

Um sabonete neutro pode ser a melhor escolha, quanto menos química e mais orgânica um produto possuir, melhor e menos agressivo ele é. Alguns sabonetes são hidratantes e dermatologicamente testados, não custa tentar, mas fique atenta na pele do bebê, qualquer indício de irritação ou alergia já é motivo suficiente para descontinuar o uso.

Como começar

Primeiro separe tudo que você vai usar antes do banho e para vesti-lo depois.

Quando retirar a fralda, já limpe com lenço umedecido antes de colocar o bebê na água, para não sujar a água e o bebê.

Lave primeiro os olhinhos com discos de algodão com água, e depois pode lavar a cabecinha do bebê, com ele ainda em seus braços, enrolado na toalha. Lave bem a cabeça, com sabonete neutro, e seque-a rapidamente para evitar que fique molhada durante o restante do banho.

Dessa maneira você garante que o bebê não pegará friagem na cabecinha e que a água a ser usada no rosto será a água mais limpa e sem sabão.

Para completar o banho comece colocando o bebê na banheira pelos pezinhos. A esta altura você já terá sentido bem a água e saberá se ela está na temperatura ideal. Lave bem todas as dobrinhas, vãozinhos dos dedos, partes íntimas com muito cuidado e delicadeza, cuidado sempre com a água no ouvido.

Você pode deixar o bebê “boiando” na água, segurando-o pelas axilas. Ele vai gostar disso, já que lembrará um pouco a sensação que tinha quando estava no útero.

É Importante não demorar muito no banho para não deixar a água esfriar demais, e também não colocar pouca água, uma quantidade maior de água na banheira, exerce uma pressão sobre o corpo do bebê, deixando o confortável por sentir-se “envolvido”!

Dica extra!

Jamais permita que o banho se torne uma experiencia desagradável, como o bebê não tem conhecimento de tudo que acontece m volta dele, é normal que associe qualquer coisa com seus sentimentos.

Por isso o banho deve ser dado quando o bebê estiver calmo, sem fome e tranquilo. Se ele começar associar qualquer desconforto com o banho, é provável que terá dificuldade com os próximos banhos.

Compartilhe!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *